Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

É Desporto

É Desporto

Hélène de Pourtalès. Quando uma família real fez história olímpica

Especial Jogos Olímpicos (Paris-1900)

Hélène de Pourtalès fez história na água

Nasceu nos Estados Unidos e tornou-se condessa na Suíça depois de casar com o conde Hermann Alexander de Pourtalès. Juntos, fizeram parte da tripulação que conquistou um título olímpico e um segundo lugar na vela em Paris-1900. Hélène entrou na história como a primeira mulher a ganhar uma medalha.

A primeira edição dos Jogos Olímpicos da era moderna esteve fechada a mulheres mas, quatro anos depois, em Paris, a situação mudou. Os caprichos da organização – num evento que funcionou como satélite da Exposição Universal de Paris e decorreu ao longo de mais de cinco meses – permitiram que a história fosse escrita… por uma família real.

Helen Barbey nasceu em Nova Iorque em 1868 mas os Estados Unidos transformaram-se rapidamente numa parte do seu passado. De uma família abastada, com inúmeras ligações reais, Helen casou-se com Hermann Alexander de Pourtalès em 1891, numa cerimónia que contou com a presença do presidente dos Estados Unidos da América, William Howard Taft.

A paixão de Hermann pelos desportos náuticos alastrou-se a toda a família e foi sem surpresa que os Pourtalès apareceram em peso nos Jogos Olímpicos de Paris. Ao comando de uma embarcação chamada Lérine, além de Hermann, estava também um sobrinho seu, Bernard.

Os três subiram duas vezes ao pódio – um primeiro e um segundo lugares – mas só Hélène de Pourtalès, já com o seu novo nome de casada, escreveu história. Apesar de ter sido numa competição coletiva, tornou-se a primeira mulher a conquistar um título olímpico.

Mais tarde, outra mulher fez história na competição mas como primeira vencedora individual. No ténis, a britânica Charlotte Cooper, venceu a prova feminina e a prova de pares mistos. Na altura, porém, foi visto como um feito secundário, uma vez que já tinha conquistado Wimbledon em três ocasiões (1895, 1896 e 1898). E viria a fazê-lo novamente em 1901 e em 1908.