Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

É Desporto

Michèle Mouton. Uma mulher que abriu o caminho… a acelerar

mouton.jpg

Adorava conduzir mas nunca pensou em competir até ao dia em que, por acaso, um amigo lhe pediu ajuda. Foi co-piloto durante algum tempo mas a ausência de resultados – e de condições do carro – levou a que o pai lhe fizesse um ultimato. Mouton passou para o volante e o resto é história, com quatro vitórias em etapas do WRC e um segundo lugar na classificação geral em 1982. 

Diane Crump. A mulher que se recusou a voltar para a cozinha

diane.jpg

mudança para a Florida lançou as sementes de uma paixão pelo mundo dos cavalos. Com 18 anos fez história e, apesar da muita resistência, tornou-se a primeira mulher a participar numa corrida. Disseram-lhe para voltar para a cozinha mas não lhes fez caso. «Gosto de pensar que fui uma pequena pegada no caminho para a igualdade.» 

Teresa Rivero. A Dama de Ferro do Rayo Vallecano

ribero.jpg

Em 1994 tornou-se a primeira mulher a assumir a presidência de um clube espanhol da primeira divisão. Nomeada pelo polémico marido, José María Ruiz-Mateos, não sabia nada de futebol mas acabou por estar ligada aos melhores momentos do clube. Abandonou definitivamente a presidência em 2011, já depois de ter feito da equipa feminina uma das melhores de Espanha.  

Kathrine Switzer. A mulher que ousou correr a maratona

switzer.jpg

Queria derrubar os mitos e provar que as mulheres também eram capazes de correr os 42,195 quilómetros da prova. Tornou-se um ícone ao ser fotografada a ser empurrada para fora da estrada por um oficial de corrida e acabou por desempenhar um papel fundamental na introdução da maratona feminina nos Jogos Olímpicos a partir de 1984.