Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

É Desporto

O dia em que um árbitro uruguaio perdoou a Argentina... para a castigar ainda mais

1042116_full-lnd.jpg

Há 24 anos a Colômbia deu uma das lições de futebol mais memoráveis deste desporto, com Valderrama, Asprilla, Córdoba e Rincón em destaque. Com as almas incendiadas pelas palavras de Diego Maradona, os cafeteros golearam os argentinos no Monumental, em Buenos Aires, rumo ao Mundial-1994. Cinco, zero. O árbitro uruguaio até perdoou um vermelho direto a Simeone para a humilhação ser ainda maior. 

A seleção inglesa é uma falácia?

inglaterra.jpg

Olhamos para os ingleses sempre como favoritos desde 1966. O olhar mantém-se em 2017, imperturbável. O que fez esta gente desde então? Pouco. A Inglaterra venceu agora o Mundial sub-20 e o Torneio de Toulon, e perdeu a final do Europeu sub-17. Está por aí uma geração de ouro? Vem aí talento? Talvez sim, talvez não. Talvez seja indiferente e sejam engolidos pela piscina de dinheiro que é a Premier League... 

 

 

O que é feito do nosso Parma?

parma.jpg

Esta é a história de um grande que nunca o foi, com quatro canecos europeus nos idos anos 90, que caiu para a quarta divisão. Os cofres estavam cheios de pó e lengalengas mal contadas. Em duas épocas, garantiu a subida à Serie B. Com outro nome e comprado por chineses, o Parma Calcio 1913 procura reinventar-se. Quem sabe um dia os Brolin, Asprilla e Stoichkov voltem para vestir aquele pijama azul e amarelo divino.

 

 

Zidane. O bailado que deixaria Fred Astaire corado

zidane.jpg

A execução era difícil mas Zidane acreditou. A lógica jogava a favor do francês: se falhasse, seria um lance que se esqueceria durante o intervalo, já à porta. Se corresse bem, o momento seria eterno e ficaria encrustado num pedaço de memória de todos aqueles que tiveram a possibilidade de ver o golo ao vivo. Faz hoje 15 anos e é impossível esquecer.