Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

É Desporto

Foi bonita a festa da subida, pá! Mas e agora?

huddersfield.jpg

Maio e junho são meses de festejos. Por toda a Europa, equipas e adeptos celebram a ansiada subida ao principal escalão. Mas e o que acontece depois? É uma passagem efémera ou existem condições para prolongar o convívio entre os grandes? Fizemos as contas aos seis principais campeonatos europeus e Portugal e Inglaterra surgem em extremos opostos.

 

 

Yohann Diniz. Um francês traído pelo fado lusitano

Yohann Diniz nos 50 km marcha

Chegou a ter quase dois minutos de vantagem nos 50 quilómetros marcha mas não conseguiu superar o que lhe estava reservado: já depois de um descontrolo intestinal evidente, parou durante um minuto. Voltou à prova no grupo da frente até cair desamparado. Estava desidratado, sem força, e numa condição debilitadíssima. Não quis parar: o neto de português, que em 2014 foi campeão europeu com a bandeira portuguesa na mão, superou todos os limites (até os saudáveis) e terminou a prova no sétimo lugar.